Secretário de Governo destaca apoio do MEG-Tr para evolução da gestão pública

Modelo Nacional de Excelência em gestão na economia das transferências da União é tema de capacitação para municípios do MS

Campo Grande (MS) – Com apoio técnico do governo estadual, por meio da Secretaria de Estado de Governo e Gestão Estratégica (Segov), foi realizado nesta segunda (03.02), o Seminário de Implantação do Modelo de Excelência em Gestão na Economia das Transferências da União (MEG-Tr). Durante o evento, o técnico do Ministério da Economia, Esaú Mendes Sirqueira, ministrou um curso de capacitação para 43 técnicos da área de gestão da economia dos nove municípios de Mato Grosso do Sul que precisam implantar o programa até o fim de março.

“O MEG-Tr vem para reforçar e ajudar a regulamentação de transferências vinculadas à capacidade dos municípios”, destacou o secretário de Governo, Eduardo Riedel.

“Quando realizamos contratos de gestão anuais com cada uma das secretarias e definimos as prioridades de cada pasta, tudo isso é fruto de uma discussão que passa por um entendimento de gestão, com planejamento e diretrizes muito específicas. E o Meg, como ferramenta, traz desafios importantes para evoluirmos na produtividade desta gestão. Este modelo vem para reforçar, apoiar e ajudar a regulamentação de transferências vinculadas à capacidade de implementação dos municípios”, destacou o secretário de Governo, Eduardo Riedel, durante a abertura do evento realizada na sede da Assomasul.

Kleber Edson Wan Dall, prefeito de Gaspar (SC) compartilha a experiência do 1º município a aderir ao MEG-Tr.

O prefeito de Gaspar (SC), Kleber Edson Wan Dall, convidado a compartilhar sua experiência pioneira no processo de implantação do modelo em sua cidade, classificou como compensador o esforço de adequação do município: “Trata-se de um assunto bastante trabalhoso, mas muito importante do ponto de vista técnico-administrativo da Prefeitura, porque permite que seja feito um trabalho de diagnosticar as oportunidades de melhoria para agilizar e criar mecanismos de transparência dos atos públicos. Para nós tem sido desafiador e recompensador, ao permitir que avaliemos nossas ações para melhoria da qualidade do serviço público”, enfatizou Kleber.

Em Mato Grosso do Sul, Bataguassu será o município piloto a se adequar e implantar o Modelo de Excelência, antecipando em um ano o prazo previsto pela normativa. Outros oito municípios de MS com mais de 50 mil habitantes precisam se adequar ao MEG-Tr: Campo Grande, Dourados, Três Lagoas, Corumbá, Ponta Porã, Naviraí, Nova Andradina e Sidrolândia.

“Os prefeitos precisam entender o esforço de gestão antes de consolidar os projetos”, explica o superintendente de Gestão Estratégica, Thaner Nogueira.

“Este evento foi idealizado tanto para mobilizar esses prefeitos sobre a necessidade de se adequarem ao novo modelo, quanto para capacitar a equipe técnica, e também para que entendam que existe um esforço de gestão antes de consolidar os projetos que receberão esses recursos, para que causem impactos concretos para a população”, concluiu o Superintendente de Gestão Estratégica da Segov, Thaner Nogueira.

Realização

O evento é uma parceria do Ministério da Economia, Governo do Estado, Prefeitura de Campo Grande, Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul (Assomasul) e Movimento MS Competitivo. Em outras edições, as reuniões foram realizadas no Distrito Federal e Santa Catarina.

Assessoria de Comunicação da Secretaria de Governo e Gestão Estratégica (Segov).

Fotos: Edemir Rodrigues.

Publicado por: jmachado@segov

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *